Você já parou para pensar em como o humor é importante? Muitas pessoas acreditam que não possuem o controle sobre como se sentem no dia a dia. Acordam de bom humor ou mau humor e assim seguem pelo resto do dia.

Na verdade, podemos gerenciar o nosso humor diariamente para nos mantermos em um estado emocional agradável.

Quando nos sentimos bem conosco e com nossa condição de vida atual, independente de como ela seja, conseguimos atingir todo o potencial de nossos recursos emocionais e competências. Além disso, temos mais disposição para encontrar os fatores positivos de nossas experiências de vida.

E, foi pensando na importância do humor para a nossa qualidade de vida, neste post separamos algumas dicas para cuidar dele no nosso dia a dia.

Importância de cuidar do humor

Nosso humor afeta todas as áreas das nossas vidas: relacionamentos, trabalho/estudo, experiências, saúde mental, motivação e autoestima. O humor tem influência sobre a percepção de todos esses fatores e o modo como interagimos com eles.

Quando estamos de mau humor, não temos vontade de falar com ninguém, certo? Podemos ter pensamentos negativos, não ter motivação para concluir um projeto, dar respostas grosseiras sem perceber ou ter dificuldade para utilizar o nosso potencial máximo no trabalho ou nos estudos.

O mau humor também colabora para a deterioração da saúde mental. Pensamentos negativos, inquietação, irritabilidade, falta de autoconfiança e pânico são alguns desses sintomas que, a longo prazo, podem corroborar para o surgimento da depressão e ansiedade. Sendo assim, é ideal aprender a manejar a qualidade do nosso humor para evitar os seus efeitos negativos em nossas vidas.

O humor pode sofrer influência de fatores externos, como acontecimentos e interações sociais. Às vezes, acordamos de bem com a vida, mas algo inesperado acontece e rouba a nossa alegria. Quando sabemos administrar nossos sentimentos, gerenciar as emoções oriundas de acontecimentos ruins se torna uma tarefa um pouco mais simples.

Vale a pena lembrar

Existe uma cobrança silenciosa para sempre nos mantermos de bom humor em nossa sociedade. As pessoas repudiam sinais de tristeza e, quando encontram alguém cabisbaixo, se perguntam como podem ajudá-lo ou optam por ignorá-lo para não afetarem como se sentem.

Sentir tristeza, raiva, frustração, desânimo e arrependimento é inevitável. Quando falamos em “cuidar do humor” não queremos dizer que nunca devemos sentir essas coisas, mas, sim, que é possível tomar certas atitudes para trazer mais alegria e qualidade de vida para o nosso cotidiano.

Se você perdeu um ente querido, foi reprovado em um exame, não conseguiu a vaga de emprego dos seus sonhos ou brigou com alguém próximo, permita-se sentir as emoções negativas provenientes dessas situações. Fingir que elas não existem ou imediatamente partir para o “gerenciamento de crise” pode fazer mais mal do que bem.

Algumas pessoas conseguem entrar em ação para remediar uma situação ruim rapidamente enquanto outras precisam de mais tempo para digerir o ocorrido. Independentemente se você se encaixa na categoria um ou dois, não se force para ser outra pessoa.

Com este post, gostaríamos de ajudá-los a elevar o seu humor para multiplicar as experiências positivas e produtivas do seu dia a dia. Não é um convite para fugir de sentimentos e emoções, principalmente diante de eventos negativos! Você tem todo o direito de ficar triste, irritado ou angustiado de vez em quando. O problema é quando essas emoções se tornam constantes em nossas vidas, pois podem tomar conta do nosso estado de humor e estimular condições de saúde mental.

Como elevar o humor no dia a dia?

Aprender a controlar as suas emoções e, consequentemente, gerenciar o seu humor não é apenas a responsabilidade pessoal de cada indivíduo, como também uma estratégia para transitar pela vida da melhor maneira possível.

Quando você possui uma atitude saudável acerca de seus sentimentos e conhece as maneiras mais efetivas de expressá-los, você automaticamente possui as ferramentas necessárias para encarar as mais variadas experiências de vida.

E tudo começa com a compreensão de que é possível tomar atitudes para elevar o humor e fazer a manutenção desse estado emocional positivo. A partir desse ponto de partida, você consegue ter uma percepção positiva acerca dos seus problemas, a qual é essência para a sua resolução.

Em seguida, veja algumas dicas que separamos para elevar seu humor no dia a dia!

Conheça as suas emoções:

Aprenda a observar suas emoções para identificar quando elas são mais intensas e quais são os gatilhos das suas reações emocionais. Todos nós temos ‘pontos fracos’, como ter dificuldade para falar sobre certo assunto, lidar com um tipo específico de personalidade ou encarar uma situação de cabeça erguida.

Preste atenção em você para chegar a esse entendimento para que seja possível desenvolver reações mais saudáveis. Você pode descobrir que possui questões mal resolvidas dentro de si que precisam de atenção para que você consiga manejar seu humor.

Faça coisas divertidas:

Precisamos de momentos de lazer em nosso cotidiano, mesmo que sejam curtos. Pode ser assistir a um filme ou seriado, jogar boliche com amigos, caminhar por uma paisagem bonita ou ler um bom livro. Seja quais forem as atividades de lazer que lhe despertem aquela sensação agradável de bem-estar, encontre tempo para elas em sua agenda.

Defina limites saudáveis:

Você tem o hábito de tomar os problemas dos outros como se fossem seus? Tem dificuldade para reconhecer quais são as suas “dores” e quais são as dos outros?

Pois bem. Para proteger a sua integridade emocional, você precisa definir limites saudáveis. Isto é, não se jogar de cabeça nos impasses alheios e não permitir que as pessoas abusem da sua boa vontade. Você não precisa se recusar a ajudar os outros, mas, sim, saber até onde consegue ir sem sobrecarregar o seu estado emocional.

Descanse quando necessário:

Todos precisamos descansar e recuperar as baterias de vez em quando. Dependendo do seu estilo de vida, você pode precisar de períodos mais longos ou mais curtos de descanso. Não ignore os sinais do seu corpo e mente. Quando eles precisarem de um tempo para se recompor, descanse.

Construa uma rede de apoio:

Uma rede de apoio é formada por pessoas de confiança, como amigos íntimos e familiares. São essas pessoas que vão lhe ajudar quando você tiver algum problema, e prezar pelo seu bem-estar no dia a dia.

Identifique essas características nas pessoas com quem você convive e determine quais delas podem se tornar parte da sua rede de apoio. Lembre-se de incluir somente quem demonstra lhe querer bem. Por vezes, as pessoas dizem se importar com você, mas não demonstram isso em suas ações.

Mantenha o foco em suas qualidades:

Você costuma focar no que você tem de bom ou no que tem de ruim? Mudar o foco dos seus defeitos para as suas qualidades possui um efeito surpreendente no humor! Liste seus pontos fortes e conquistas para sempre ter um lembrete do seu verdadeiro potencial por perto.

Concentre-se no presente:

Pode soar clichê, mas só podemos tomar decisões e agir no momento presente. Ficar preso ao passado pode lhe levar à um perpétuo estado de angústia, e pensar demasiadamente no futuro pode estimular a ansiedade.

O que já passou não pode ser modificado e, enquanto podemos fazer planos para o que ainda não chegou, é impossível saber se eles se concretizarão da maneira desejada. Sendo assim, o mais importante é fazer o seu melhor hoje.

Resolva conflitos assim que surgirem:

Algumas pessoas possuem o hábito de deixar os conflitos ganharem proporções grandiosas antes de tomarem uma atitude para resolvê-los. Essa postura não é a mais adequada. Procure resolver impasses assim que eles surgirem, sempre com base no diálogo e respeito. Não há razão para temer conflitos quando se tem paciência e uma atitude positiva para lidar com eles, não é mesmo?

Faça técnicas de relaxamento:

Yoga, meditação, visualizações positivas, gratidão, respiração profunda e escrita dos sentimentos são algumas técnicas de relaxamento que você pode inserir em seu cotidiano. Como elas têm a capacidade de acalmar a mente e o coração, prolongam a sensação de bem-estar emocional.

Você pode praticá-las todos os dias. Somente cinco minutos (com exceção da Yoga) são suficientes para você sentir seus efeitos positivos. Quando situações ruins ameaçarem tirar você do eixo, lidar com elas será muito mais fácil dessa forma.

São pequenas atitudes que, quando somadas, ajudam a construir uma rotina mais saudável e satisfatória, além de preservar a saúde mental.

 

Gostou desse post? Quer que seus amigos também saibam um pouco mais sobre o assunto? Que tal compartilhar este post com eles em suas redes sociais?

Grande abraço e até breve!